Maria Schneider

Anúncios

3 Respostas para “Maria Schneider

  1. marcio rodrigues

    Despedida para uma atriz

    Lembramos da personagem,
    Das cenas picantes,
    Dos amantes,
    Da mulher que arde em chamas
    Sem que necessariamente ame.
    Entregue à volúpia,
    Ao seu desejo,
    E ao de quem desconhece,
    Sem saber se ele merece,
    Apenas pelo sabor,
    Pela loucura,
    Não pelo amor.
    Mas e Maria de fato
    Mulher,
    Que foi atriz de cinema,
    Quem sabe o que dizer dela?
    Sabemos que foi tão bela,
    Que o tango,
    Com Brando,
    Ficou deslumbrando,
    Os que ficaram desejando
    Serem aqueles dois seres se beijando.
    Devemos lembrar dela,
    Por tudo que foi,
    Ao ser grande,
    Ao atuar,
    Ao nos fazer imaginar,
    Que aquilo acontecia.
    Palmas para o seu talento!
    Só que ela foi mais que um filme,
    Viveu,
    E quem sabe amou,
    Além dos tangos argentinos,
    Que talvez nem soubesse dançar.
    Adeus Maria,
    Que tenha tido alegrias
    Na vida,
    Mesmo que no final
    Tenha sofrido
    Com a dor.
    Mas como Augusto o imperador,
    Teria dito:
    Palmas!
    Por tudo o que você viveu
    E representou!
    Márcio Rodrigues
    26/11/2011

    Curtir

  2. Olha, Maria
    Eu bem te queria
    Fazer uma presa
    Da minha poesia
    Mas hoje, Maria
    Pra minha surpresa
    Pra minha tristeza
    Precisas partir

    Parte, Maria
    Que estás tão bonita
    Que estás tão aflita
    Pra me abandonar
    Sinto, Maria
    Que estás de visita
    Teu corpo se agita
    Querendo dançar

    Parte, Maria
    Que estás toda nua
    Que a lua te chama
    Que estás tão mulher
    Arde, Maria
    Na chama da lua
    Maria cigana
    Maria maré

    Parte cantando
    Maria fugindo
    Contra a ventania
    Brincando, dormindo
    Num colo de serra
    Num campo vazio
    Num leito de rio
    Nos braços do mar

    Vai, alegria
    Que a vida, Maria
    Não passa de um dia
    Não vou te prender
    Corre, Maria
    Que a vida não espera
    É uma primavera
    Não podes perder

    Anda, Maria
    Pois eu só teria
    A minha agonia
    Pra te oferecer

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s